Vende-se: Minha Casa, Minha Vida.

casaComo é corriqueiro no Brasil as políticas públicas como Bolsa Família, Mais Médicos e os programas habitacionais sempre descambam para projetos eleitoreiros, cuja finalidade é perpetuar no poder quem lá se encontra, por isso, a distribuição é entregue a cabos eleitorais que escolhem que serão os beneficiados.

Sabedores dessa manobra, aquele que se beneficia quase sempre é que menos precisa da assistência governamental, e, assim, termina por fazer uso indevido do auxílio, negociando o bem que recebeu por qualquer bagatela, já que nada pagou por ele.

É o caso dos beneficiários do Minha Casa, Minha Vida, em Manaus, cujas casas recebidas estão sendo ofertadas num site de venda de imóveis por valores que variam entre R$ 30 mil e R$ 90 mil. A despeito da proibição de revenda ou a transferência dessas unidades habitacionais do programa federal nos 10 anos que se segue a aquisição.

Segundo a Caixa Econômica Federal, responsável pelo financiamento dessas moradias destinadas às famílias de baixa-renda, a venda dos imóveis é ilegal e será investigada, pois, o contrato e a lei estabelecem que as famílias, ao longo de 10 anos, não poderão alugar, ceder e vender as unidades habitacionais, sob pena de devolverem, integralmente, os subsídios recebidos ou, na falta deste procedimento, perderem o direito ao imóvel.

Por: Adão Lima de Souza

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *